Em Qual Idioma?

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Pesquisar...

.

22 fevereiro 2010

Arestas do Tempo










No torpor da noite melancólica
O hálito inebria a viagem
Sou a criança que brinca a Ciranda

Sou o som sensual que te invade
Quero a rosa, a palavra, o toque

O sonho, a dor, o amor
Quantas sou?

Em que alameda distribuo meus passos?
Espero, rogo, anseio.
E tu...

Quem és?
Por quais terras te deitastes?

Sonhas, desejas, lutas...
Quero a busca

Cavalgada em nuvens
O abraço que ampara

E a bússola que norteia
Ao guerreiro de mim...a vitória

Ao silêncio da alma...o olhar
Noites invadidas de sol

Palavras trincando a armadura
E que o rouxinol nunca se cale...

Que haja fogo
E que venha a Paz...





Khalit Sabanur

0 Comentários:

Postar um comentário