Em Qual Idioma?

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Pesquisar...

.

20 maio 2010

Amigo João Qualquer



(Dark Arte Fotos)






   Quem sabe me dizer, qual a essência da palavra amigo?
Alguns dizem, que amigo é aquele com quem somos unha e carne, outros dizem,  que amigo é aquele que chora com cumplicidade as nossas lágrimas,  enfim,  são tantas as frases tão clichês,  que causam uma emoção temporária,  e na maioria das vezes,  essa emoção dura o tempo exato da leitura da dita frase, emoção essa que pode se diluir após o excesso de álcool, com a divergência acalorada sobre determinado assunto, ou com os índices em queda da Bolsa...
Em tantas escolhas que fiz durante a minha vida,  escolhi sentir que amigo é algo que não tem que ser definido, que não necessita de explicações e porques.  Escolhi sentir que amizade é o momento mais puro de amar.
Em todas as formas que conheço de Amor existe sempre a espera por algo em troca, mesmo que inconsciente; os amantes, trocam o prazer, os amados esperam o amor em reverberação,  filhos esperam proteção constante dos pais,  pais esperam reconhecimento dos filhos...
Amigo não, o amigo, na mais verdadeira essência da palavra sente que a Amizade se basta, eu diria que, quando um tal Homem nascido na Galiléia disse  "Ame ao próximo como a ti mesmo",  ele quis dizer  "Seja amigo!",  porque só a amizade tem o dom divino de ser incondicional...
Ao amigo, não interessa, credo, etnia, nível social, sexo, títulos ou postura política,  amigo se faz amigo em um simples segundo, em um pequeno gesto, em uma palavra,  em um abraço,  em um e-mail. Amigo não faz perguntas,  mas tem no seu silêncio todas as respostas...
Amigo pode ser um nobre ancião, ou um menino João qualquer, amigo pode estar gravado na retina,  assim como pode nunca ter sido visto...
Amigo é uma fresta no tempo,  um segredo divino que nos traz de volta à vida,  e nos faz acreditar, que todas as formas de amar, clamam por base o "ser amigo",  e que assim o seja, que todo olhar, que todo o sexo, que toda a saudade,  que toda palavra, sejam nascidos da amizade, que todo idoso, jovem, criança, homem, mulher, poeta, matemático, louco ou lúcido, possa gritar aos ventos o nome de um amigo, e não importa se o amigo se fez na infância ou no dia de ontem, se a geografia os mantém distantes, ou se suas vozes não são ouvidas diariamente,  não importa se a imagem que passeia pela retina tem beleza estética ou ausência dela...Ah! amigo tem um jeito gostoso de ser,  que mais ninguém tem, é  único,  pessoal e intransferível!!!
O que importa é que amigo, é escultura que a força divina talha e alimenta com o sopro de vida,  para que possamos entender e sentir,  o que é Amar!




                                            

                               Ao menino João, um não qualquer...



 

Khalit Sabanur
Ler Todo o Artigo... ►

10 maio 2010

Alma de Órion










"Segue adiante
Cansada e ansiosa alma
Em eloquente fome de ser
Grita calada beirando abismos...
São insanos teus gestos
Em medida lucidez
Singra em areias movediças
Qual serpentear de víbora
Desnuda tua face do hijab
Marca teu passo
Sobre imponentes dunas...
Entrega ao Sirocco teu vazio
Deixa que ao lar
Tal vento te conduza
Despe as amarras torturantes
Sê livre além do tempo
Canta com teu olhar...
Descansa em Órion tua sina
Derrama com teus versos
Ao Leão sombra e frescor
Faz-te embalar pelo derbak
Na eterna dança do amor..."







Khalit Sabanur
Ler Todo o Artigo... ►